Brasil a uma vitória do inédito ouro

Os Jogos Olímpicos de Londres estão entrando na reta final e o futebol se encerra no sábado, quando Brasil e México decidem a mais cobiçada medalha, no lendário Estádio de Wembley. Para o Brasil que está a uma vitória do inédito ouro, é o título que falta na galeria, com cinco Copas do Mundo, a pressão recaí há anos sobre técnicos, jogadores, de várias gerações, para trazer a medalha dourada para o território tupiniquim.

O México que entre suas conquistas, a de mais importância é a Copa das Confederações 1999, em que foi decidida contra a Seleção Brasileira, na Cidade do México. O título Olímpico para os Mexicanos seria a grande glória da história.

Nas semifinais, o Brasil encarou os Sul-Coreanos, um jogo que pelo menos na teoria era complicado, mas dentro da partida a Seleção Brasileira não se complicou, impôs seu ritmo e em uma noite em Manchester, Leandro Damião marcou dois dos três gols Brasileiros, o outro tento foi anotado por Rômulo.

Já o México não teve vida fácil, encarou o Japão, saiu perdendo com o gol de Higashi, até o gol dos Japoneses, a Seleção Mexicana não se encontrava em campo, mas em um escanteio Giovani dos Santos fez a assistência e Marco Fabian empatou. Após o empate o jogo do México fluiu perfeitamente; Peralta virou o placar, e Cortes ampliou, fechando o jogo.

Nos últimos confrontos contra o México, a Seleção Brasileira encontrou inúmeras dificuldades, sendo derrotada nesta temporada, no amistoso de preparação para as Olimpíadas em Dallas/EUA, por 2 x 0, na ocasião os Mexicanos atuaram com o time principal, mas confirmou-se como uma pedra no sapato do Brasil.